Início » 1º Seminário Metropolitano de Acessibilidade e Direitos das Pessoas com Deficiência

1º Seminário Metropolitano de Acessibilidade e Direitos das Pessoas com Deficiência

Estão abertas as inscrições para o 1º Seminário Metropolitano de Acessibilidade e Direitos das Pessoas com Deficiência, realizado pela Associação Brasileira de Engenheiros Civis do Paraná (Abenc-PR) com apoio do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Paraná (Crea-PR), do Instituto de Engenharia do Paraná (IEP) e da Prefeitura Municipal de Curitiba. Durante os dias 27 e 28 de junho, diversos profissionais envolvidos e com vasta experiência no tema farão palestras aos participantes no Centro de Eventos do IEP. O presidente do Crea-PR, engenheiro civil Joel Krüger, será um dos palestrantes do Seminário.

O engenheiro civil Gilson Fernando Gomy de Ribeiro, presidente da Abenc-PR, explica que no evento será amplamente discutida a Lei Federal nº 13.146, sancionada em 06 de julho de 2015 que instituiu a Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência, também chamada de Estatuto da Pessoa com Deficiência, destinada a assegurar e a promover, em condições de igualdade, o exercício dos direitos e das liberdades fundamentais para pessoas com deficiência, visando a sua inclusão social e cidadania. Para ele, esta “inovadora e ousada lei é resultado de uma construção coletiva e um avanço porque amplia a punição para quem desrespeita o direito desse segmento da população, e por mudar a avaliação das pessoas com deficiência, que reivindicam benefícios e direitos sociais”. A lei ainda precisa de regulamentação em muitos pontos, mas “prepara a sociedade para receber a pessoa com deficiência e não mais a pessoa com deficiência terá que se adaptar a uma sociedade que não está apta a recebê-la”, diz o engenheiro. Ele comenta que hoje 24% da população brasileira é constituída por pessoas que apresentam alguma deficiência.

O tema do evento é de grande importância e muito atual. Conforme explica o presidente da Comissão de Acessibilidade do Crea-PR, engenheiro mecânico Sérgio Yassuo Yamawaki, durante os anos de trabalho a frente da Comissão, “foi diagnosticada bastante falta de conhecimento sobre a legislação e normas vigentes, por isso é fundamental o debate com os profissionais, órgãos públicos e sociedade civil organizada”. Para ele, “a falta de conhecimento das normas acarreta consequências para toda a sociedade e eventos que trazem à tona este debate e ideias para as ações são fundamentais”, explica. O engenheiro participa do evento como coordenador de um dos debates.

 

Programação

1º Seminário Metropolitano de Acessibilidade e Direitos das Pessoas com Deficiência

Local: Centro de Eventos do Instituto de Engenharia do Paraná

Rua Emiliano Perneta, 174, 1º andar, Centro, Curitiba-PR

Data: 27/06/2017

8h – Credenciamento/Café – Recepção

8h30 – Abertura

A LEGISLAÇÃO FEDERAL SOBRE CALÇADAS

9h30 – “Acessibilidade, Direito de Todos”

Desembargador do Trabalho Ricardo Tadeu Marques da Fonseca, graduado em Direito com especialização em Direito do Trabalho, doutor e professor. Atua principalmente nos temas: inclusão de pessoas com deficiência no mercado de trabalho, combate à discriminação, direito das crianças e adolescentes, direito constitucional do trabalho, aprendizagem e trabalho infantil.

10h45 – “Novas Calçadas de Curitiba”

Eduardo Pimentel – vice-prefeito de Curitiba, formado em Administração com pós-graduação em Agronegócios. Foi diretor de marketing da Fundação Cultural de Curitiba, diretor do Ceasa – Centrais de Abastecimento do Paraná S/A, sub-chefe da Casa Civil do Governo do Paraná e assessor especial do gabinete do governador.
Representante do IPPUC – Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba.
Representante da SMU – Secretaria Municipal de Urbanismo e Assuntos Metropolitanos

11h30 – DEBATE

Coordenador: engenheiro civil Antonio Borges dos Reis, diretor de Políticas Institucionais da Secretaria de Urbanismo e Assuntos Metropolitanos da Prefeitura Municipal de Curitiba-PR.

12h30 – Intervalo para almoço

PESSOA IDOSA, SE DEUS PERMITIR CHEGAREMOS LÁ

14h – “Pessoa Idosa, Longevidade e Acessibilidade”

Deputada federal Leandre Dal Ponte, engenheira civil pela Universidade Positivo e membro titular da Comissão da Pessoa Idosa da Câmara dos Deputados.

14h45 – “O Direito da Pessoa Idosa e da Pessoa com Deficiência à Acessibilidade”

José Américo Penteado – promotor de Justiça dos Direitos da Pessoa com Deficiência do Ministério Público do Paraná, médico pela Universidade Federal do Paraná, graduação em direito pela Faculdade de Direito de Curitiba e mestre em Ciências Jurídico-Criminais pela Universidade de Lisboa.

15h30 – “A Pastoral da Pessoa Idosa e sua Luta Pelos Direitos dos Cidadãos”

Irmã Terezinha Tortelli – coordenadora nacional da Pastoral da Pessoa Idosa, enfermeira formada na PUCPR, pós-graduada em Planejamento Familiar pela Universidade do Chile e em Gerontologia Social. Desde 2010 exerce a coordenação nacional da Pastoral, sucedendo a médica Zilda Arns Neumann.

16h15 – “Decisões da Justiça Federal relativas às Pessoas Idosas e com Deficiência”

Roberto Wanderley Nogueira, juiz federal, mestre em Direito, doutor em Direito Público e professor da Universidade Federal de Pernambuco.

17h – DEBATE

Coordenador: engenheiro mecânico Sérgio Yassuo Yamawaki, presidente da Comissão de Acessibilidade do Crea-PR

18h – Café de encerramento

Data: 28/06/2017

COMPREENDENDO A NECESSIDADE DA ACESSIBILIDADE PARA AS DIVERSAS DEFICIÊNCIAS

8h – Deficiência Auditiva

Elizanete Favaro, especialista em educação bilíngue para surdos e diretora da Associação de Surdos de Curitiba-PR

8h – Deficiência Visual

Professor Paulo Ross, doutor em Educação pela USP e mestre em Educação Permanente e Recursos Humanos pela UFPR

9h30 – Deficiência Física

Joel Krüger, engenheiro civil, mestre em Educação, especialista em Didática no Ensino Superior, mestre em Gestão Técnica do Meio Urbano pela Universidade de Tecnologia de Compiègne, presidente do Crea-PR desde janeiro de 2012, período em que vem dando apoio significativo ao tema acessibilidade.

10h15 – Deficiência Intelectual e Autismo

Nilton Salvador – jornalista, coordenador no Paraná do Movimento Orgulho Autista do Brasil, escritor com seis livros publicados sobre autismo e administrador de empresas com especialização em Mediação de Conflitos.

11h – DEBATE

Coordenadora: professora Leomar Marchesini, fundadora e coordenadora do SIANEE – Serviço de Inclusão e Atendimento aos Alunos com Necessidades Educacionais Especiais do Centro Universitário UNINTER, pós-graduada em Psicodrama pela Associação Paranaense de Psicodrama, pós-graduada em Metodologias Inovadoras Aplicadas à Educação e professora de Orientação e Mobilidade para Pessoas Cegas.

12h – Intervalo para almoço

14h – Vivências: SENTIR E REFLETIR

Coordenadora: Denise Maria Amaral de Oliveira Moraes, presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência de Curitiba – CMDPcD, Pós-graduação Lato Sensu Educação Especial pela Faculdades de Pinhais, especialização em Avaliação Diagnóstica – enfoque psicoeducacional, especialização curso de Terapia Familiar Sistêmica – INTERCEF, graduação em psicologia pela Universidade Tuiuti do Paraná, experiência profissional na Secretaria Especial dos Direitos da Pessoa com Deficiência.

16h30 – Café no Escuro

18h – Encerramento
Inscrição

Para fazer a inscrição, clique aqui.

(Débora Pereira – ACS Crea-PR)

 

Font Resize